Roteiro em Buenos Aires homenageia personagens dos quadrinhos argentinos

fotos: Turismo de Buenos Aires/Divulgação

Talvez a politizada Mafalda, a garotinha que odeia sopa e sempre questiona o mundo adulto, seja a figura mais conhecida (e adorada) fora da Argentina, mas fãs das histórias em quadrinhos contam com um dos mais divertidos e simpáticos roteiros da capital portenha.

Conhecido como Paseo de la historieta, esse tour é feito no bairro Montserrat e passa por estátuas de personagens das mais populares histórias em quadrinhos produzidas nas últimas décadas, na Argentina, como Mafalda, Isidoro e Clemente.

Criado a partir de uma parceria entre o governo e o Museo del Humor (MUHU), o Paseo de la Historieta é formado por murais, esculturas de dez personagens dos quadrinhos locais e sinais que indicam o caminho do trajeto.

Mafalda
(Avenida Chile, 371)
Atual e com um humor único, esta personagem criada em 1964 pelo cartunista Quino é a melhor representação (e explicação) do que foi a classe média intelectual da Argentina, nos anos 60 e 70. Ela é inquieta, inconformada e preocupada com as questões sociais.

Mafalda
Mafalda

Clemente
(Balcarce, 400)
Criado pelo cartunista Caloi, no início dos anos 70, este personagem representa algumas características do argentino: adora futebol, mulheres e é, extremamente, crítico com a realidade do país.

Clemente
Clemente

Matías
(Balcarce, 500)
O cartunista Fernando Sendra é o criador deste personagem conhecido por suas fantasias e imaginação, cujas reflexões sobre a vida adulta é marcado pelo bom humor. Criado em 1993, Matías é de uma família de classe média urbana e representa a infância de hoje em uma grande cidade.

Matías
Matías

Gaturro
(Avenidas Azopardo e Belgrano)
Anti herói, sonhador e observador do mundo, este personagem criado por Nick é bastante popular entre o público infantil.

Gaturro
Gaturro

Negrazón y Chaveta
(Ruas Manso Juana e Lynch Marta)
Publicados na revista Hortensia, esses personagens representam a classe baixa de Córdoba, nos anos 70,  e conquistaram o público em todo o país com suas reflexões e diálogos.

Negrazon y chaveta
Negrazon y chaveta

Don Fulgencio
(Ruas República Bolivariana de Venezuela e Balcarce)
Personagem criado em 1938 por Lino Palacio e conhecido por seu estilo inocente.

Don Fulgencio
Don Fulgencio

Isidoro Cañones
(Avenidas Balcarce e Chile)
Criado por Dante Quinterno, em 1935, Isidoro Cañones é o típico playboy portenho: rico, gastador, irresponsável e que adora a boa vida.

Isidoro Cañones
Isidoro Cañones


Veja a rota no mapa

Buenos Aires

Turismo de Buenos Aires
www.turismo.buenosaires.gob.ar

3 Comentário

  1. Una lectura rápida del Catraca Livre en el trabajo todas las manhanas. Y hoy me encuentro con este artículo sobre la ruta del comic en Bs.As. Y quién firma? Mi gran amigo Edu. Un gran amante de aquella tierra donde habita el ser humano más orgulloso y creativo del planeta, el argentino 😉
    Tuve la suerte de encontrarme en estas pasadas navidades a esos ilustres personajes durante las noches de San Telmo. También recomiendo un paseo por la Av.Corrientes que se encuentra plagada de varios personajes cómicos: Olmedo, Portales, el gordo Porcel, etc.
    Mucha suerte en tus próximos viajes, y no te olvides de visitar la ciudad nortenha, gris y urbanísticamente más desastrosa de Espanha, pero con la ría más encantadora: Vigo.

  2. Gente, vocês deixaram de passar por algumas estátuas, hein. Estive em Buenos Aires no início de Março e vi outras além dessas. Vocês deixaram de colocar Las Chicas Divito, Patoruzú, Jirafa, Don Nicola…

    • Tatyana, super obrigado por seu comentário.

      Por questão de espaço no blog, fizemos uma seleção de algumas das estátuas.

      Mas como você bem comentou, existem outros endereços no bairro com outros personagens.

      Abraços e boas viagens!!!

4 Trackbacks / Pingbacks

  1. 24 horas em Buenos Aires | Viagem em Pauta
  2. Roteiro de um dia em Buenos Aires | Catraca Livre
  3. Buenos Aires inaugura exposição em homenagem a Mafalda
  4. Buenos Aires inaugura exposição em homenagem a Mafalda | Catraca Livre

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*