Eles estão de volta: chegam os primeiros pinguins na Patagônia argentina

Todos os anos é a mesma história.

A partir de setembro,  mais de 400 mil pinguins desembarcam na Patagônia argentina, na maior colônia de pinguins-de-magalhães do mundo, a 170 km de Puerto Madryn.

Aqueles simpáticos anfitriões vestem sempre preto e branco, são baixinhos com 50 centímetros de altura e são ágeis no mar, porém desengonçados ao andar. Permanecem ali até mediados de abril para botarem seus ovos e criarem os filhotes para a próxima temporada.

Punta Tombo (foto: Don Faulkner/Flickr-Creative Commons)
Punta Tombo (foto: Don Faulkner/Flickr-Creative Commons)

Monogâmicos, esses animais fazem seus ninhos em terrenos macios próximos à costa e, curiosamente, sempre voltam para o mesmo ninho da temporada anterior. Os filhotes nascem entre o final de outubro e novembro e são conhecidos por sua plumagem acinzentada, atingindo sua maturidade aos 90 dias de  vida.

A Área Natural Protegida Punta Tombo, localizada na região de Dos Pozos, é formada por uma estreita e pedregosa faixa de praias que acompanha o mar por  3,5 km, aproximadamente.

O local surpreende pela quantidade dessas pequenas aves cruzando, aos montes, o caminho dos vistantes e caminhando entre guanacos, uma espécie de camelídeo parecido às lhamas andinas.

LEIA TAMBÉM: “Conheça atrações inusitadas da Patagônia argentina”

foto: Eduardo Vessoni
foto: Eduardo Vessoni

E, a cada ano, o ritual se repete entre esses animais monogâmicos.

Primeiro chegam os machos, que fazem a faxina dos ninhos usados na temporada anterior pelos mesmos casais. Logo desembarcam as fêmeas que, em outubro, botam os ovos, de onde sairão os primeiros filhotes, a partir do mês seguinte.

Em janeiro, os pequenos deixam seus ninhos e começam a mudar a plumagem. A temporada de observação dos pinguins vai até abril, quando a bicharada migrar para o norte.

LEIA TAMBÉM: “Patagônia argentina ou chilena? Saiba quais são as diferenças e programe-se”

VEJA IMAGENS

  • foto: Disfruta Chubut/Divulgação
    foto: Disfruta Chubut/Divulgação

  • foto: Eduardo Vessoni
    foto: Eduardo Vessoni

  • foto: Eduardo Vessoni
    foto: Eduardo Vessoni

  • foto: Eduardo Vessoni
    foto: Eduardo Vessoni

  • foto: Eduardo Vessoni
    foto: Eduardo Vessoni

  • foto: Eduardo Vessoni
    foto: Eduardo Vessoni

  • foto: Eduardo Vessoni
    foto: Eduardo Vessoni

 SERVIÇO
Punta Tombo
www.puntatombo.com

Site oficial do turismo da região de Chubut
www.disfrutachubut.gob.ar

Como chegar
Puerto Madryn, a pouco mais de 1.300 km de Buenos Aires, é porta de entrada para visitar a colônia de pinguins, na Patagônia Atlântica, como é conhecida a região patagônica voltada para o mar.

Deve-se tomar a Ruta Nacional 3 e dali a Ruta Provincial 1, por mais 107 km de estrada.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*