Confira destinos paradisíacos por onde já passou James Bond, o 007

Seja qual for a versão do cinema, ele está sempre lá. Bonitão, sedutor, ágil e com corte de terno e penteado de acordo com os padrões de moda da época.

Mas o que o agente secreto 007 não costuma fazer é repetir cenários, em suas viagens de espionagem.

O dedicado agente secreto do MI6 britânico já esteve em lugares paradisíacos como Bahamas e Jamaica, endereços urbanos como México e Hong Kong, e destinos históricos como a Turquia e o Egito.

Até no Brasil, 007 já protagonizou perseguições, como a vertiginosa cena em que Bond luta contra Jaws, sobre um dos teleféricos do Pão de Açúcar, no Rio de Janeiro.

Vista aérea do Rio de Janeiro (foto: Ramon Llorensi/Flickr-Creative Commons)
Vista aérea do Rio de Janeiro (foto: Ramon Llorensi/Flickr-Creative Commons)

Estrelado por Roger Moore, o filme ‘007 – Contra o foguete da morte’ (1979) teve cenas rodadas também na praia de Gumari, na Urca e na floresta Amazônica.

Só para ter uma ideia de como anda o passaporte dele, seu próximo filme ‘007 Contra Spectre’, a 24ª aventura de Bond, que estreou no Brasil no último dia 5 de novembro, tem cenas gravadas na Inglaterra, Itália, Áustria e Marrocos.

LEIA TAMBÉM: “Guia de viagens divulga melhores países para conhecer, em 2016”

Conheça alguns dos destinos por onde o agente 007 já passou:

JAMAICA

O hedonista James Bond não é bobo e já começou a carreira no cinema logo em um paraíso do Caribe.

Em ‘007 Contra o Satânico Dr. No’ (1962), a primeira história de 007 contada no cinema, em 1962, Bond vai para a Jamaica, a fim de investigar o assassinato do agente John Strangways.

Localizada em Saint Ann, a cidade de Ocho Ríos fica na costa norte da Jamaica, onde foram gravadas as cenas do filme ‘007 Contra o Satânico Dr. No' (foto: Ricardo Mangual/Flickr-Creative Commons)
Localizada em Saint Ann, a cidade de Ocho Ríos fica na costa norte da Jamaica, onde foram gravadas as cenas do filme ‘007 Contra o Satânico Dr. No’ (foto: Ricardo Mangual/Flickr-Creative Commons)

Interpretado por Sean Connery, o ator escocês que seria Bond outras 5 vezes, o agente vai até Kingston, a capital da Jamaica. De lá, segue para a ilha fictícia Crab Key, cujas cenas foram gravadas na costa norte da Jamaica, em St. Ann’s Bay.

Ian Fleming escreveu todos os livros da série Bond, em sua casa, na Jamaica, chamada GoldenEye.

TURQUIA

Atrativos de Istambul, a maior cidade da Turquia, aparecem no filme ‘Moscou Contra 007’ (1963), como a Baía de Pendik, Mesquita Azul, Mercado Coberto (Grand Bazaar), Bazar das Especiarias, Palácio de Topkapı e Sultanahmet Meydanı, como hoje é conhecido o antigo Hipódromo de Constantinopla.

O agente James Bond vai até esse país euro-asiático para trazer Tatiana Romanova, escrevente da seção de criptografia do serviço de inteligência do Exército Soviético, em troca do cobiçado decodificador Lektor.

  • Mesquita Azul (foto: Arian Zwegers/Flickr-Creative Commons)
    Construída no início do século 17 para demonstrar o poder do islã sobre o cristianismo, a Mesquita Azul é considerada uma das construções do gênero mais belas do mundo e serviu de cenário para o filme ‘Moscou contra 007’ com Sean Connery no papel do agente secrecto (foto: Arian Zwegers/Flickr-Creative Commons)

  • (foto: KamrenB Photography/Flickr-Creative Commons)
    Considerado um dos mais antigos mercados cobertos do mundo, o Grand Bazaar também aparece no filme ‘Moscou contra 007’ (foto: KamrenB Photography/Flickr-Creative Commons)

  • Istambul (foto: Kayugee/Flickr-Creative Commons)
    Vista de Istambul, cidade da Turquia que serviu como um dos cenários do filme ‘Moscou contra 007’ (foto: Kayugee/Flickr-Creative Commons)

  • Topkapi Palace (foto: Guilhem Vellut/Flickr-Creative Commons)
    Iniciada em 1460 pelo conquistador Mehmed, a construção do Topkapi Palace levou 18 anos para ficar pronta e, atualmente, é considerado um dos palácios ainda de pé mais antigos do mundo. O local é um dos endereços de Istambul que serviram de cenário para o filme ‘Moscou contra 007`(foto: Guilhem Vellut/Flickr-Creative Commons)

BAHAMAS

Em ‘007 Contra a Chantagem Atômica’ (1965), o agente secreto é enviado para as Bahamas, onde deve investigar o sequestro de duas bombas atômicas pela SPECTRE, a organização criminosa das histórias de Bond.

As Bahamas, o país das três mil ilhas e ilhotas, a norte de Cuba, serviu de cenário para o quarto filme da série 007, onde foram rodadas cenas na Bay Street, Paradise Beach (em Paradise Island) e nas impressionantes Exumas, arquipélago de 365 ilhas e ilhotas que se estende no oceano por 200 km de águas esmeraldas.

O filme teve também cenas gravadas em Ocala e Miami (Flórida – Estados Unidos), Northamptonshire (Inglaterra) e Paris (França).

  • Nassau (foto: Moto "Club4AG" Miwa/Flickr-Creative Commons)
    As águas azuladas de Nassau, nas Bahamas, aparecem nas cenas submarinas do filme ‘007 Contra a Chantagem Atômica’  (foto: Moto “Club4AG” Miwa/Flickr-Creative Commons)

  • A central Bay Street, em Nassau, foi um dos cenários do filme ''007 Contra a Chantagem da Bomba Atômica' (foto: Roger W/Flickr-Creative Commons)
    A central Bay Street, em Nassau, foi um dos cenários de ”007 Contra a Chantagem Atômica’, na cena em que Bond apresenta o agente da CIA Felix Leiter para Paula Caplan, personagens do filme (foto: Roger W/Flickr-Creative Commons)

  • Exuma (foto: Vixi Pixi/Flickr-Creative Commons)
    Localizado ao sul de Nassau, o arquipélago The Exumas, formado por 364 ilhas e ilhotas, é um dos cenários do filme ‘007 Contra a Chantagem Atômica’ (foto: Vixi Pixi/Flickr-Creative Commons)

  • Localizado ao sul de Nassau, o arquipélago The Exumas, formado por 364 ilhas e ilhotas, é um dos cenários do filme '007 Contra a Chantagem Atômica' (foto: Matt Kieffer/Flickr-Creative Commons)
    Localizado ao sul de Nassau, o arquipélago The Exumas, formado por 364 ilhas e ilhotas, é um dos cenários do filme ‘007 Contra a Chantagem Atômica’ (foto: Matt Kieffer/Flickr-Creative Commons)

LEIA TAMBÉM: “Localizada nas Bahamas, ilha tem porcos nadadores como atração”

TAILÂNDIA

Em 1974, já com o ator Roger Moore como intérprete, Bond desembarca na Tailândia, mas não sem antes passar por Beirute, Hong Kong e Macau.

Em ‘007 Contra o Homem com a Pistola de Ouro’ (1974), o agente sai em missão não oficial para o Oriente, a fim de encontrar o paradeiro do assassino Francisco Scaramanga. Clássicos turísticos tailandeses aparecem nesse filme, como Bangkok, Floating Market, James Bond Island e Khao Phing Kan (Phang Nga Bay).

Em Hong Kong, foram gravadas cenas em locais como Kowloon Bay, no vilarejo pesqueiro de Tai Po, Victoria Harbour, entre outros endereços.

  • Bangkok, na Tailândia (foto: Mike Behnken/Flickr-Creative Commons)
    A frenética Bangkok, na Tailândia, também serviu de cenário para o filme ‘007 Contra o Homem com a Pistola de Ouro’, com Roger Moore como o agente secreto (foto: Mike Behnken/Flickr-Creative Commons)

  • Nos famosos mercados flutuantes de Bangkok, capital da Tailãndia, o agente 007 teve cenas de perseguição pelos canais locais (foto: Georgie Pauwels/Flickr-Creative Commons)
    Nos famosos mercados flutuantes de Bangkok, capital da Tailândia, o agente 007 teve cenas de perseguição pelos canais locais (foto: Georgie Pauwels/Flickr-Creative Commons)

  • Nos famosos mercados flutuantes de Bangkok, capital da Tailãndia, o agente 007 teve cenas de perseguição pelos canais locais (foto: Colin Tsoi /Flickr-Creative Commons)
    Nos famosos mercados flutuantes de Bangkok, capital da Tailândia, o agente 007 teve cenas de perseguição pelos canais locais (foto: Colin Tsoi/Flickr-Creative Commons)

  • Conhecida como 'James Bond Island', a ilha Khao Phing Kan fica no sul da Tailândia e tem esse nome desde que 007 contra o '007 - Homem com a Pistola de Ouro' foi gravado no local, em 1974 (foto: Carrie Kellenberger/Flickr-Creative Commons)
    Conhecida como ‘James Bond Island’, a ilha Khao Phing Kan fica no sul da Tailândia e tem esse nome desde que ‘007 Contra o Homem com a Pistola de Ouro’ foi gravado em Phang Nga Bay, no nordeste de Phuket, em 1974. O local serviu de cenário para o refúgio do vilão Francisco Scaramanga, interpretado por Christopher Lee (foto: Carrie Kellenberger/Flickr-Creative Commons)

  • Hong Kong vista do The Peak, uma das 30 melhores cidades do mundo para conhecer, segundo votação da revista Condé Nast Traveler (foto: Eduardo Vessoni)
    Em ‘007 Contra o Homem com a Pistola de Ouro’, o agente James Bond vai até Hong Kong (foto), em busca do vilão Scaramanga (foto: Eduardo Vessoni)

LEIA TAMBÉM: “Cinco experiências marcantes em Hong Kong”

EGITO

Em 1977 é a vez de Luxor emprestar sua paisagem para James Bond, no filme ‘O espião que me amava’. Nessa cidade ao sul do Egito, a pouco mais de 500 km do Cairo, foram gravadas cenas em locais como Karnak Temple, Banana Island e no rio Nilo.

A lista de lugares paradisíacos internacionais desse filme inclui ainda cenas submarinas nas Bahamas; Sardenha, ilha italiana no Mar Mediterrâneo;  região de Nunavut, no Canadá, e na suíça St. Moritz.

O Templo de Karnak, em Luxor, no Egito, foi um dos cenários onde foram rodadas cenas do filme '‘O espião que me amava’, de 1977 (foto: Renate Dodell/Flickr-Creative Commons)
O Templo de Karnak, em Luxor, no Egito, foi um dos cenários onde foram rodadas cenas do filme ‘‘O espião que me amava’, de 1977 (foto: Renate Dodell/Flickr-Creative Commons)
Região de Banana Island, no rio Nilo, cenário em que Bond acorda rodeado por camponeses e camelos, em ‘O espião que me amava’ (foto: Kyle Taylor/Flickr-Creative Commons)
Região de Banana Island, no rio Nilo, cenário em que Bond acorda rodeado por camponeses e camelos, em ‘O espião que me amava’ (foto: Kyle Taylor/Flickr-Creative Commons)

BRASIL

É claro que James Bond não deixaria de visitar o Brasil e desembarcar em alguns dos mais famosos clichês nacionais como o Pão de Açúcar e o Carnaval, no Rio de Janeiro, e Manaus, no Amazonas.

Estrelado por Roger Moore, ‘007 Contra o foguete da morte’ (1979) teve cenas rodadas na praia de Gumari, no bondinho o Pão de Açúcar, na Urca e na floresta Amazônica.

Estrelado por Roger Moore, ‘007 – Contra o foguete da morte’ (1979) teve cenas rodadas na praia de Gumari, no bondinho o Pão de Açúcar (foto) e na floresta Amazônica (foto: LASZLO ILYES/Flickr-Creative Commons)
Estrelado por Roger Moore, ‘007 Contra o foguete da morte’ (1979) teve cenas rodadas no Pão de Açúcar, onde James Bond e o vilão Jaws protagonizaram a clássica luta sobre o teto de uma das cabines dessa atração do Rio de Janeiro (foto: LASZLO ILYES/Flickr-Creative Commons)
Vista aérea do Rio de Janeiro (foto: Ramon Llorensi/Flickr-Creative Commons)
Vista aérea do Rio de Janeiro (foto: Ramon Llorensi/Flickr-Creative Commons)

E para reforçar a confusão geográfica que filmes blockbusters costumam causar, há cenas gravadas também nas Cataratas do Iguaçu, nas quedas do rio Paraná, Manaus e Mariana (MG)

MÉXICO

Com Timothy Dalton como James Bond, o filme ‘007 – Permissão para Matar’ (1989) desembarca no México para perseguir Franz Sanchez, chefe de um cartel de drogas.

Vista de Tulum, em Yucatán, península do México que serviu de cenário para o filme ‘007 – Permissão para Matar’ (foto: GorissenM/Flickr-Creative Commons)
Vista de Tulum, em Yucatán, península do México que serviu de cenário para o filme ‘007 – Permissão para Matar’ (foto: GorissenM/Flickr-Creative Commons)

Endereços mexicanos como a Cidade do México, baía de Acapulco, Baixa Califórnia, Veracruz e Península de Yucatán, onde foram gravadas cenas submarinas, estão nesse filme que é considerado uma das mais baixas bilheterias da série.

LEIA TAMBÉM: “Confira os filmes da ‘Mostra Internacional de Cinema em SP’ para amantes de viagens”

SAIBA MAIS
Site oficial do 007
www.007.com

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*