20 praias do Brasil que parecem piscinas

A felicidade do brasileiro tem data e hora para começar. No próximo dia 21 de dezembro, às 7h44, começa a estação mais esperada do lado de cá do planeta.

As temperaturas ainda oscilam entre dias muito quentes e noites mais geladas, mas brasileiro que é brasileiro já está contando as horas para a chegada do verão.

Eis o momento de tirar a canga do armário, preparar os protetores solares e cair na estrada, em busca das melhores faixas de areia do litoral do Brasil.

Nesse post, o Viagem em Pauta selecionou as 20 praias mais cenográficas dos mais de 7 mil km de litoral brasileiro. Certamente, a lista vai bem além e nunca vai faltar espaço para sugerir mais uma.

VEJA TAMBÉM: “15 praias brasileiras que você não deve deixar de conhecer neste verão”

CONFIRA IMAGENS

  • Praia de Antunes, no litoral norte de Maragogi (foto: Eduardo Vessoni)
    ANTUNES (Litoral Norte de Maragogi): Localizado a 7 km ao norte de Maragogi, na Costa dos Corais, esse pedaço curto de areia segue alheio à massificação dos passeios desse destino que ganhou fama com as famosas piscinas naturais, a 6 km da costa (foto: Eduardo Vessoni)

  • Piscinas naturais da Praia do Marceneiro, em Alagoas (foto: Eduardo Vessoni)
    MARCENEIRO (Rota Ecológica): É na Praia do Marceneiro, em Passo de Camaragibe, Alagoas, que o visitante se sente único em terras ainda pouco exploradas, onde as piscinas naturais são mais vazias e seu isolamento deu origem a hotéis boutique com poucos quartos (foto: Eduardo Vessoni)

  • Vista aérea dos parrachos de Maracajaú, no litoral do Rio Grande do Norte (foto: Corais de Maracajaú/Divulgação)
    MARACAJAÚ (Rio Grande do Norte): Localizada a 60 km de Natal, no município de Maxaranguape, a região de Maracajaú abriga os famosos parrachos, piscinas naturais de águas transparentes que ficam a 7 km da praia e permitem ao visitante nadar entre arrecifes de corais que aparecem de acordo com a maré, dando origem a um cordão de 13 km² (foto: Corais de Maracajaú/Divulgação)

  • Areia Vermelha, ilha com 1,5 quilômetro de extensão que se forma na maré baixa e dá lugar a piscinas naturais rodeadas por areias de tons avermelhados, no município de Cabedelo, região metropolitana de João Pessoa (foto: Cacio Murilo/PBTur)
    AREIA VERMELHA (Paraíba): Essa ilha com 1,5 km de extensão se forma na maré baixa e dá lugar a piscinas naturais rodeadas por areias de tons avermelhados, no município de Cabedelo, região metropolitana de João Pessoa (foto: Cacio Murilo/PBTur)

  • foto: Rodrigo Soldon-FlickrCreative Commons
    ILHA DO CAMPECHE (Florianópolis): Com acesso diário restrito a 400 pessoas, autorizadas a ficar apenas na Praia da Enseada, essa ilha é conhecida por suas águas claras e areia fina. Não é à toa que esse santuário ecológico tombado pelo IPHAN é conhecido como o “Caribe de Florianópolis” (foto: Rodrigo Soldon/FlickrCreative Commons)

  • PRAIA DA ARMAÇÃO (SC): Localizada ao lado do Parque Municipal da Lagoa do Peri, essa bela faixa de areia começa na Ponta da Companha e termina no lado sul do Morro das Pedras, de onde dá para observar baleias franca, entre os meses de julho e novembro (foto: Eduardo Vessoni)
    PRAIA DA ARMAÇÃO (Florianópolis): Localizada ao lado do Parque Municipal da Lagoa do Peri, essa faixa de areia vai até o Morro das Pedras, de onde dá para observar baleias franca, entre os meses de julho e novembro (foto: Eduardo Vessoni)

  • PRAIA DE MURO ALTO (PE): raia de Muro Alto (foto: WIkimedia Commons)
    PRAIA DE MURO ALTO (Pernambuco): Localizada em Ipojuca, município da Região Metropolitana de Recife, essa praia é conhecida por suas águas calmas, ideais para a prática de esportes náuticos (foto: WIkimedia Commons)

  • MIrante do Gunga, no litoral sul de Alagoas (foto: Eduardo Vessoni)
    GUNGA (Litoral Sul de Alagoas): Localizado a 49 km de Maceió, o município de Roteiro abriga essa que é uma das praias mais belas do litoral brasileiro, uma ponta de areia branca, recortada por coqueiral denso, que separa o oceano Atlântico e a Lagoa do Roteiro. Na foto, vista do mirante do Gunga (foto: Eduardo Vessoni)

  • Praia do Espelho, no sul da Bahia (foto: Eduardo Vessoni)
    PRAIA DO ESPELHO (Sul da Bahia): Esse pedaço exclusivo do litoral sul baiano é figura fácil nas listas que enumeram as melhores praias do Brasil. E, para se convencer disso, é só subir em algum dos mirantes com vista para aquele mar de tons variados, recortado por falésias, ou se deitar em uma das almofadas espalhadas pelos bares pé na areia do local (foto: Eduardo Vessoni)

  • Caraíva (foto: Eduardo Vessoni)
    CARAÍVA (Bahia): Localizada a pouco mais de 100 km de Porto Seguro, a pacata vila de pescadores de Caraíva tem como principal atração o rio que dá nome ao destino, cuja única forma de acesso é em breves viagens de canoa, uma vez que esse destino de ruas de areia não permite a entrada de carros. Por ali, rio são ruas e faixas de areia são calçadas (foto: Eduardo Vessoni)

  • Vista aérea da Pousada Taipu de Fora, no sul da Bahia (foto: Divulgação)
    TAIPU DE FORA (Bahia): Esse é mais um destino perfeito para os momentos de maré baixa, quando as piscinas naturais se formam entre corais. O local é ideal para mergulhos de snorkel e observação de fauna marinha. Na foto, vista aérea da Pousada Taipu de Fora, no sul da Bahia (foto: Divulgação)

  • Mirante da Praia do Sancho (foto: Eduardo Vessoni)
    PRAIA DO SANCHO (Fernando de Noronha): Eleita uma das melhores praias do mundo, pela terceira vez consecutiva, a Baía do Sancho é um dos cenários mais icônicos, em toda a ilha de Fernando de Noronha, a pouco mais de 540 km de Recife. Na foto, vista do Mirante da Praia do Sancho (foto: Eduardo Vessoni)

  • Caxadaço, em ILha Grande (foto: Fabian.kron/Flickr-Creative Commons)
    CAXADAÇO (Ilha Grande): Com apenas 50 metros de extensão, essa praia oceânica localizada na ponta oposta à de Lopes Mendes, na mesma baía, tem areia fina e rodeada por vegetação densa. Antigo local de esconderijo de piratas e de desembarque de escravos, esse pedaço de areia fica protegido por uma baía fechada, rodeada por pedras e mata fechada (foto: Fabian.kron/Flickr-Creative Commons)

  • Praia do Aventureiro, em Ilha Grande (foto: Tatiana Melo/Divulgação)
    PRAIA DO AVENTUREIRO (Ilha Grande): Na ponta sudoeste da Ilha Grande, encontra-se essa praia que é considerada uma das mais belas de todo o destino. Com 500 metros de extensão, aproximadamente, a praia tem areias finas, áreas de mar agitado em quase toda a sua extensão e setores mais tranquilos como a extremidade esquerda. Destaques para o “Coqueiro Deitado” que avança sobre aquelas águas esverdeadas e cristalinas, e para a pequena piscina natural (foto: Tatiana Melo/Divulgação)

  • foto: Turismo Sergipe/Divulgação
    PRAIA DO SACO (Sergipe): Esse destino fica a 50 km de Aracaju, no litoral sul de Sergipe. A região é formada por dunas de areia dourada, cercadas por coqueirais que compõem o pontal que abriga a praia (foto: Turismo Sergipe/Divulgação)

  • foto: Divulgação
    GANCHOS DE FORA (Santa Catarina): Localizada em Governador Celso Ramos, essa é uma das praias exclusivas do litoral catarinense (foto: Ponta dos Ganchos Resort/Divulgação)

  • Praia de Lopes Mendes (foto: Wikimedia Commons)
    LOPES MENDES (Ilha Grande): Considerada uma das mais belas faixas de areia da região, essa praia com quase 3 km de extensão é a maior da Ilha Grande, no setor leste. Embora seja reduto de surfistas, devido a suas águas agitadas e correnteza forte, na parte direita da praia, Lopes Mendes tem mar calmo, bom para mergulho livre, no lado esquerdo (foto: Wikimedia Commons)

  • MORERÉ (Bahia): Localizado no sul da Bahia, em Boipeba, o Arquipélago de Tinharé abriga faixas de areia como Moreré, destino famoso por suas piscinas naturais em alto mar (foto: Wikimedia Commons)
    MORERÉ (Bahia): Localizado no sul da Bahia, em Boipeba, o Arquipélago de Tinharé abriga faixas de areia como Moreré, destino famoso por suas piscinas naturais em alto mar (foto: Wikimedia Commons)

  • PRAIA DO FAROL (Arraial do Cabo): (foto: Marinelson Almeida/Flickr-Creative Commons)
    PRAIA DO FAROL (Arraial do Cabo): Localizada a 140 km da capital do Rio de Janeiro, essa faixa de areia só tem acesso pelo mar e os visitantes têm horário controlado de permanência (foto: Marinelson Almeida/Flickr-Creative Commons)

  • Juacema, praia entre a Praia do Espelho e Caraíva, no sul da bahia (foto: Eduardo Vessoni)
    JUACEMA (Bahia): Essa faixa isolada do litoral sul baiano é uma das praias que ficam entre a Praia do Espelho e Caraíva (foto: Eduardo Vessoni)

8 Comentário

  1. Falar das praias brasisleiras é complicado porque por exemplo em arraial do cabo rj… tem varias prais que parecem piscinas com aguas super cristalinas…. a praia grande é sem duvida uma enorme piscina a ceu aberto… só entrando no sit de arraial do cabo rj e ver tudo…. estou imprecionado com tantas belezas e além de ser também considerada a capital nacion al do mergulho….

  2. Praia do Sancho é realmente deslumbrante, verdadeiro cenário de fotografia “só que muito mais bonita”, merece esse título. Aliás todas as praias, onde a ação do homem é mito limitada, é sempre um paraíso!

  3. Visitei algumas praias no sudeste é sul. São muito bonitas porém, esta será a sexta vez que estou indo às praias do francês, do Gunga e barra de são Miguel em Alagoas, praia do Maragogi e porto de galinhas em Pernambuco. Além de limpas são calmas e de uma hospitalidade à toda prova. Recomendo.

    • Jucelino,concordo com você quanto as belezas dessas praias, mas uma pequena observação: A praia de Maragogi fica nas proximidades de Pernambuco,porém faz parte do litoral alagoano.

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*