Museu da batata frita, chocolate e patrimônio histórico são destaques de Bruges, na Bélgica

Bruges, na Bélgica (foto: Eduardo Vessoni)

Endereço de um centro histórico que é Patrimônio da Humanidade pela Unesco, Bruges abriga alguns dos exemplares da arquitetura medieval mais preservados da Europa.

A cidade está a três horas de Paris e Amsterdã, e é parada perfeita para quem quer fazer um bate e volta a partir de capitais da Europa.

E se o centro histórico é o coração de Bruges, seus canais são como as artérias da cidade.

Bruges é conhecida como a Veneza do Norte, por conta dos canais que cortam toda a cidade. E, de março a novembro, dá para fazer passeios diários por esses canais.

LEIA TAMBÉM: “Capital mundial das histórias em quadrinhos, Bruxelas tem roteiro para fãs de HQs”

Museu da Batata Frta, na Bélgica (foto: Eduardo Vessoni)

Mas a atração mais curiosa dali é o Frietmuseum, um museu dedicado à batata frita, uma das manias da Bélgica.

O museu é o único do mundo dedicado à essa iguaria e tem um acervo de 400 objetos que contam a trajetória da batata desde a sua utilização nos Andes, há mais de dez mil anos, até à invenção da batata frita, pelos militares belgas.

Outro produto famoso do destino é o chocolate, que também tem um museu na cidade.

LEIA TAMBÉM: “19 experiências inusitadas na Europa”

VEJA VÍDEO

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*