Bike, jardins de cerveja e surfe no parque são atrações de Munique, na Alemanha

Englischer Garten, em Munique (foto: Eduardo Vessoni)

Quando Maximilian I autorizou as cervejarias de Munique a comercializarem bebidas, há pouco mais de 200 anos, não imaginaria que estava criando um dos atrativos turísticos mais famosos do sul da Alemanha.

Em 1812, o então rei da Baviera, encontrou uma solução para o excedente da produção de cerveja e liberou a venda de cervejas em áreas ao ar livre, diretamente aos consumidores.

Naqueles tempos sem refrigeração, a bebida era armazenada em adegas que ficavam sob castanheiras, onde os clientes aproveitavam a sombra das árvores para apreciarem ali mesmo a bebida recém-adquirida.

Nascia uma das mais famosas (e cobiçadas) tradições da Alemanha.

VEJA VÍDEO

O biergarten (‘jardim de cerveja’, em português) são locais exclusivos para venda e consumo de cervejas, em estabelecimentos localizados em parques e setores urbanos de diversas cidades alemãs, onde os clientes contam com bancos coletivos e serviços de restaurante.

Neste vídeo, você conhece como são esses espaços, além de fazer um tour de bicicleta pela capital da Baviera e conferir o inusitado surfe nas águas do rio Isar, em pleno Englischer Garten, parque urbano de Munique.

Torre Chinesa, no Englischer Garten, em Munique (foto: Eduardo Vessoni)

VEJA TAMBÉM: “Alemanha tem museus e até hotel temático para fãs de carros”

Viagem para millennials
No último mês de maio, o Viagem em Pauta participou de uma viagem com uma agência especializada na criação de roteiros exclusivos para jovens de 18 a 35 anos e com roteiros em todos os continentes.

Exclusiva para passageiros da Geração Y, a agência Contiki tem como lema ‘travel with no regrets’ (‘viajar sem arrependimentos’, em português).

Surfe no Englischer Garten, em Munique (foto: Eduardo Vessoni)

Os roteiros são sempre acompanhados por um ‘gerente de viagem’, quem não só atua como guia especializado em cada destino visitado mas também ajuda na elaboração de roteiros alternativos e na procura de outras atividades, como baladas.

Um dos destaques do Contiki é o novo Independent Insider, itinerários de até quatro destinos, em que os jovens escolhem as cidades que querem visitar e as atividades que desejam realizar.

E não é pouco, viu?

Início do tour de bike em Munique, na Alemanha (foto: Eduardo Vessoni)

O cardápio de experiências inclui, entre tantas disponíveis, um tour gastronômico na capital da Alemanha, street art em Barcelona, passeio de Vespa em Roma e até imersões gastronômicas, em mais de 130 países.

“Viajar faz uma pessoa melhor. Por isso, gostamos que as pessoas façam tudo, vejam tudo, saiam da sua zona de conforto e consigam ir para casa satisfeitas e não pensar “e se””, explica a trip manager Tammy Coetzee, deitada em uma espreguiçadeira, em um veleiro no Mar Adriático, na Croácia.

O roteiro Londres – Berlim (de 4 a 13 dias), por exemplo, está disponível tanto no verão como no inverno, e inclui visita histórica em Paris, tour de bike em Londres e aulas de mixologia de coquetéis, em Amsterdã.

Na dobradinha Madri/Lisboa, tem tour de cavernas nas praias do Algarve e sessão de tapas em Madri, durante o verão.

E o que acontece lá, fica lá mesmo, tá?

Passageiros da agência Contiki, após tour de bicicleta em Munique, na Alemanha (foto: Eduardo Vessoni)

LEIA TAMBÉM: “10 atrações diferentonas na Europa”

SAIBA MAIS
Essa agência é especializada na criação de roteiros exclusivos para jovens de 18 a 35 anos, em todos os continentes.
Na Europa, a agência conta com roteiros de 4 a 46 dias de duração, a partir de US$ 340
www.contiki.com
* O Viagem em Pauta viajou a convite do Contiki

 

VEJA TAMBÉM


Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*