Lagoa da Coca Cola é uma das atrações inusitadas do Rio Grande do Norte

Natal ainda é o destino mais procurado pelos viajantes que desembarcam no Rio Grande do Norte, seguido por Pipa e São Miguel do Gostoso.
Mas a poucos quilômetros da capital potiguar é possível encontrar algumas das experiências mais inusitadas do litoral do Nordeste.
Localizado na esquina do continente, onde o vento faz a curva, o Rio Grande do Norte é dono de uma costa de 410 km de extensão, onde é possível almoçar no mangue, caminhar entre bancos de areia rodeados por piscinas naturais, ficar em uma típica casa sertaneja, em pleno litoral, e até nadar em uma lagoa com águas de tons que lembram Coca Cola.
E assim, entre cenários isolados e cidades mais turísticas, a região é daqueles destinos que reúnem todas as possibilidades em um mesmo lugar.
Confira a seleção de experiências curiosas no Rio Grande do Norte:

LAGOAS ENTRE DUNAS DE AREIA

Final de tarde sobre a Duna do André, um dos clássicos da região de Galinhos (foto: Eduardo Vessoni)
Final de tarde sobre a Duna do André, um dos clássicos da região de Galinhos (foto: Eduardo Vessoni)

Isolados em uma península estreita, entre as águas mansas do rio Aratuá e o mar, Galos e Galinhos são destinos da região oeste potiguar que abrigam uma geografia exagerada que conseguiu reunir em um mesmo endereço a típica vegetação da caatinga, dunas móveis, falésias, mangue, imensas salinas e extensas faixas isoladas de areia (ou em outras palavras, praias desertas só para você).
O destino não tem acesso para carros (exceto os 4×4), que devem ficar estacionados em um estacionamento em Pratagil, de onde saem as embarcações de madeira que levam os visitantes até a península.
LEIA TAMBÉM: “O dia em que o Tubarão fez o almoço do pirata”

ALMOÇO NO MANGUE

Tubarão prepara o almoço ali mesmo, no barco (foto: Eduardo Vessoni)
Tubarão prepara o almoço ali mesmo, no barco (foto: Eduardo Vessoni)

O falante Jr. Tubarão é responsável pelo Passeio Ecológico, uma viagem a bordo de uma embarcação de madeira que percorre mangues, lagoas e praias isoladas, em Galos e Galinhos.
Conhecido como o sushiman do manguezal, Tubarão realiza captura de ostras e prepara a refeição da tripulação, ali mesmo, dentro do barco.
No cardápio tem ceviche com peixe cortado na hora e servido com salada de batata-doce e cebolas em fatias finas; sashimi com pescada branca; e drinques feitos com uísque no coco verde e caipiostra, caipirinha com duas ou três ostras vivas dentro da bebida feita com vodca.
Saiba mais: Jr. Tubarão (84) 9998-2900 / 8115-2772 / ou na Pousada Peixe-Galo.

PISCINAS EM ALTO MAR

Localizados a 60 km ao norte de Natal, os parrachos de Maracajaú são um dos cenários mais impressionantes da costa litorânea potiguar, formado por uma barreira de corais, a 7 km da costa.

Vista aérea dos parrachos de Maracajaú, no litoral do Rio Grande do Norte (foto: Corais de Maracajaú/Divulgação)
Vista aérea dos parrachos de Maracajaú, no litoral do Rio Grande do Norte (foto: Corais de Maracajaú/Divulgação)

Tímidas e escondidas, ao longo do dia, aquelas formações naturais se transformam em piscinas naturais em alto mar, quando a maré baixa pela manhã, chegando a atingir níveis inocentes até para quem não tem intimidade com a água.
Com profundidade que varia de um a três metros (daí a origem do nome que significa “rasteiro” ou “de pouca altura”), o atrativo é rodeado por um cordão com 13 km² de corais, onde é possível chegar de catamarã para realizar banhos em alto mar.
LEIA TAMBÉM: “Maracajaú: piscinas em alto mar, no litoral do Rio Grande do Norte”

LAGOA DA COCA COLA

Lagoa da Coca Cola (foto: Eduardo Vessoni)
Lagoa da Coca Cola (foto: Eduardo Vessoni)

Localizada no litoral sul do Rio Grande do Norte, a pouco menos de 100 km de Natal, a cidade de Baía Formosa abriga a maior reserva de Mata Atlântica do estado e é endereço de uma das atrações naturais mais inusitadas da região.
A Lagoa da Coca-Cola, na Mata da Estrela, recebe esse nome por conta de suas águas escuras, devido ao solo rico em iodo e ferro, e à pigmentação das raízes das árvores.
Originalmente conhecida como Lagoa da Araraquara, a atração é procurada pelos que acreditam que suas águas curam e rejuvenescem.

POUSADA COM DECORAÇÃO DO SERTÃO

Localizada em São Miguel do Gostoso, a 110 km de Natal, a Pousada Casa de Taipa seria apenas mais um hotel boutique com poucos quartos se não fosse sua decoração.
Idealizada por três amigos que largaram seus trabalhos para investir no negócio, a pousada é inspirada no povo nordestino, aquele lá do sertão, e abriga o Museu Casa de Taipa com objetos originais doados pela população local.

Pousada Casa de Taipa, em São Miguel do Gostoso (foto: Eduardo Vessoni)
Pousada Casa de Taipa, em São Miguel do Gostoso (foto: Eduardo Vessoni)

Nos quartos, o artesão Marlos Camilo, um dos proprietários, rebocou as paredes externas imitando taipa e o artista Kiko pintou a cabeceira das camas com desenhos de massa acrílica inspirados em histórias do Nordeste como a obra “Suspiro da Baleia”.
SAIBA MAIS: “Pousada em São Miguel do Gostoso é inspirada na geografia do sertão”

AULA DE STAND UP PADDLE EM SÃO MIGUEL DO GOSTOSO

Conhecido como um dos melhores endereços do mundo para a prática de wind e kitesurfe, São Miguel do Gostoso inovou e conta também com aulas de Stand Up Paddle que acontecem em lagos e no mar (para os mais intrépidos).

foto: Eduardo Vessoni
foto: Eduardo Vessoni

Um dos endereços mais famosos para aprender a remar sobre um prancha é a Ponta do Santo Cristo, praia com grande concentração de esportistas.
O local abriga o Mar de Estrelas, hotel em estilo fazenda com 130 hectares, onde é possível ter aulas de SUP com a catarinense Virna (vvianello@hotmail.com / (84) 9117-1207), em uma lagoa local.
LEIA TAMBÉM: “10 destinos brasileiros para prática de esportes”

CAVALOS NA PRAIA

São Miguel do Gostoso é endereço também de tranquilas cavalgadas, em praias locais.

foto: Eduardo Vessoni
foto: Eduardo Vessoni

O tour sai, diariamente, da Pousada Mar de Estrelas, estabelecimento do tipo hotel-fazenda, localizado em um casarão do final do século 19.
O passeio segue até a Ponta do Santo Cristo, onde dizem que o Brasil faz a curva, a 1 km da pousada. SAIBA MAIS

LITORAL COM CACHAÇA

foto: Eduardo Vessoni
foto: Eduardo Vessoni

Localizada a 7 km de São Miguel do Gostoso, em Touros, a Pousada Urca do Tubarão é mais do que uma hospedaria simples com apenas cinco quartos.
É ali que funciona uma cenográfica cachaçaria, cuja sala de degustação abriga mais de 3 mil LPs e um curioso museu de objetos doados pela população local como o jogo de secador de cablo da década de 50 e um telefone em homenagem ao ex-presidente JK.
Saiba mais: Praia de São José, em Touros. Tel.: (84) 9416-4188.
SAIBA MAIS
Site oficial de turismo do Rio Grande do Norte
www.natalbrasil.tur.br

 
 
Salvar

6 Comentário

  1. Conheço, no ano passado fui ai no Rio Grande do Norte, o estado em si da de 10 X 0 no Rio de Janeiro, Faltou falar de Genipabu, Morro do Careca, Buzios e outra praias lindas que so tem ai.

  2. Fui a Natal,e um dos passeios que mais gostei, realmente foi a do lago da coca cola,muito lindo.Muitos me falaram de Pipa,mais quem indica Pipa é porque deixou de ir em Baía Formosa.

  3. Em qual época do ano devo ir pra Lagoa da Coca cola pra pegar ela cheia?! Um guia disse me que ela seca na metade do ano, queria confirmar e poder ir no melhor período

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*