Conheça opções inusitadas de food truck, em São Paulo

Em São Paulo, os famosos caminhões de venda de alimentos parecem ter chegado para ficar e já se tornaram a moda gastronômica permanente da cidade.
Mas nem só com hambúrguer gourmet, cachorro-quente ou tacinhas superfaturadas de vinho se faz a indústria do food truck paulistano.
Confira a lista que o Viagem em Pauta preparou com endereços das opções mais inusitadas de São Paulo.
LEIA MAIS: 18 motivos para turistar em São Paulo

COMIDA MEXICANA

foto: Mexicano Loko/Divulgação
foto: Mexicano Loko/Divulgação

Baseados em experiências da cozinha underground da Cidade do México, segundo os proprietários desse food truck, o Mexicano Loko investe no conceito de SP-MEX, que mistura sabores mexicanos com a comida de rua encontrada em São Paulo.
O cardápio não foge dos pratos mexicanos mais conhecidos, mundo afora, como o burrito, tortilla de trigo recheada com pasta de feijão e guacamole; tacos com carne de vaca ou frango; e quesadilla, tortilla de trigo recheadas com queijo, cheddar e pico de galo, espécie de vinagrete mexicano.
O trailer é itinerante e se instala em diferentes endereços da cidade, como o Super Shopping Osasco e em festas como a InterUNESP Araraquara. SAIBA MAIS

COMIDA ORGÂNICA

foto: Komborgânica/Divulgação
foto: Komborgânica/Divulgação

Essa espécie de feira móvel se instala, semanalmente, em um local diferente, onde são comercializados produtos naturais e diretos dos produtores, sem nenhum tipo de agrotóxico.
Na inconfundível kombi azul marinho e branca, com cortininhas e um toldo laranja, é possível encontrar frutas, legumes e verduras frescas; além de doces como bolos e geleias; pães, molhos e antepastos; café, arroz e feijão; e até um jardim de temperos.
Desde o dia 31 de outubro, a Komborgânica circula por São Paulo ou fica estacionada diante de a restaurantes, academias e lojas parceiras, cuja programação você pode acompanhar no link.
foto: Komborgânica/Divulgação
foto: Komborgânica/Divulgação

BATATA SUÍÇA

As famosas batatas recheadas são o destaque do Rotta 11, food truck lançado, recentemente, em São Paulo, e que circula por diversos pontos da cidade, do ABC e do interior do estado.
A dona, Fabiana Fratta, conta que era publicitária mas sempre gostou muito de cozinhar. Há 3 anos investiu na ideia do food truck, que apesar de oferecer um tipo de comida não tão comum, acredita que já está caindo no gosto do público.

Saiba mais no perfil do Facebook da empresa.

Food Truck, São Paulo, Brasil
foto: Rotta 11/Divulgação

foto: Rotta 11/Divulgação
foto: Rotta 11/Divulgação

PEIXE COM BATATAS

O tradicional combinado de peixe e batata frita, típico do Reino Unido, é o carro chefe do Fichips, considerado o primeiro food truck do gênero, no Brasil, e costuma funcionar em eventos de rua como feiras gastronômicas e festas particulares.
O cardápio enxuto inclui filé de peixe empanado, acompanhado de batatas fritas palito, molho tártaro e alho frito; porções de batata frita palito com queijo ralado; e anéis de cebola. SAIBA MAIS
 

foto: Fichips/Divulgação
foto: Fichips/Divulgação

COMIDA SAUDÁVEL

foto: FitTruck/Divulgação
foto: Fit Truck/Divulgação

Alimentação saudável e diversificada é a proposta desse food truck que costuma circular em endereços do ABC e do interior de São Paulo.
O cardápio do Fit Truck surpreende pelas opções como hambúrguer de kafta com molho de hortelã; nhoque de batata doce recheado com nozes e creme de ricota; e sanduíches vegetarianos com tofú, shimeji, alho-poró e amêndoas. SAIBA MAIS
 

COMIDA BRASILEIRA

foto: Cozinha com Z/Divulgação
foto: Cozinha com Z/Divulgação

Cozinha com Z oferece opções da culinária típica brasileira, com pratos regionais do Nordeste, Centro Oeste e Sul do País, em uma uma releitura dos pratos tradicionais, misturando, por vezes, dois tipos de comida típica em uma criação só.
O cardápio conta com godó, comida típica da Chapada Diamantina, a base de carne seca e banana da terra; ou o arroz de cortesã, prato de Goiás que leva frango e escondidinho de carne seca. Mas, o destaque é o baião de dois, clássica receita cearense que leva feijão.
A comida fica por conta de Zeca Amaral, chef do food truck, que é baiano radicado em São Paulo. Além de feiras gastronômicas, ainda participa de eventos corporativos ou particulares. SAIBA MAIS
foto: Cozinha com Z/Divulgação
foto: Cozinha com Z/Divulgação

LEIA MAIS: Conheça 7 hostels descolados de São Paulo
 
 

5 Comentário

  1. Eu comi um lanche nesses carros ai fui pra casa passei mal tive que ir no hospital tomei soro e depois de meia hora melhorei e nunca mais vou comer na rua prefiro um lugar que o fiscal passa e multa se for preciso.

  2. eu nao como jamais …. hot dog…. depois das 12 horas….. imagina,,, aquele calor…… a maionese… azeda… mau conservada….. nossssssssssssssssa me deu um dor de barriga.. que ate hoje nao curto comer lanche nesses carrinhos

  3. O autor da materia no inicio do texto de forma generica afirma que as tacinhas de vinho sao superfaturadas. Nao sei quais sao as referencias do autor para fazer tal afirmacao, porem certamente nao e nenhuma de nossas wines bikes da A PROXIMA TACA que vende vinhos nacionais e importados premiados a precos que variam de R$ 13 a R$ 9,00

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*