Rio Grande do Norte Últimas Viagens Vídeo

'Dunas do Rosado' é cenário ainda desconhecido do Rio Grande do Norte

Amanhecer nas Dunas do Rosado, em Porto do Mangue, no Rio Grande do Norte (foto: Eduardo Vessoni)

No extremo norte do Rio Grande do Norte, entre Areia Branca e Porto do Mangue, um cenário árido, em constante evolução, traz novos ares ao turismo potiguar.

Com 10 km² de extensão, as Dunas do Rosado são uma sequência de montanhas coloridas, formadas pelos sedimentos de falésias vizinhas, trazidos pelos ventos constantes.

A 250 km da capital Natal, o parque, considerado o maior conjunto de dunas daquele estado, ainda é um desconhecido do turismo local, mas costuma ser combinado com roteiros litorâneos, em Ponta do Mel, vilarejo do município de Areia Branca.

VEJA VÍDEO


LEIA TAMBÉM: 
“10 destinos imperdíveis do Rio Grande do Norte”

A região já serviu de cenário para produções nacionais como as novelas ‘Flor do Caribe’ e ‘O Clone’, e para o filme ‘Maria, mãe do filho de Deus’.

Ao longo do dia, aquele mar de areia vai ganhando novos tons, de acordo com a incidência de luz. Por isso, procure visitar a atração pela manhã bem cedo e também no final de tarde.

Dunas do Rosado, no Rio Grande do Norte (foto: Eduardo Vessoni)

Embora ainda não tenha saído do papel a criação da APA do Rosado (Área de Proteção Ambiental), a atração é protegida por lei que proíbe passeios de bugue no local. Atualmente, a única forma de visitar o Rosado é em caminhadas pelas areias fofas do parque.


Localizada no topo do estado, entre o mar e o sertão, a região fica a 250 km de Natal e tem acesso pelas BR-101 até Igapó; BR-406, em direção a Macau, de onde se toma a RN-118 até a RN-404.

Destinos próximos como o município de Porto do Mangue e o vilarejo de Ponta do Mel, em Areia Branca, servem de base para quem visita o Rosado.
As dunas fazem parte do Polo Costa Branca, maior produtor de sal do Brasil, e podem ser combinadas com Galinhos, península arenosa, a 170 km de Natal, aproximadamente.

Durante esta viagem, o Viagem em Pauta ficou hospedado na Pousada Teodoro (Rua Manoel Filgueira dos Santos, 60; tel.: (84) 3332-7039 / 9 9980-4251; diárias R$ 176 (quarto duplo), opção hoteleira com fácil acesso para as Dunas do Rosado e em frente à faixa de areira de Ponta do Mel. 



VEJA TAMBÉM: 
“10 motivos para visitar a desconhecida Galinhos, no Rio Grande do Norte”


* O Viagem em Pauta visitou a região com o apoio da GoPro, Pousada Teodoro e Atlantis Travel.

4 comentários

antonio 27 de janeiro de 2018 at 20:25

muito bom ….pena que o brasileiro pouco conheça sua terra…

Responder
Henrique Araujo 27 de setembro de 2018 at 12:04

Pessoal, uma correção, as Dunas do Rosado tem esse nome por se localizarem na Praia do Rosado, elas fazem parte da unidade de conservação de proteção integral brasileira localizada no Pólo Costa Branca, com território no município de Porto do Mangue. As falésias também, a mesma coisa. Nenhum dos pontos pertencem a Areia Branca.

Responder
Ronald 14 de setembro de 2020 at 14:57

As Dunas parecem um lugar muito interessante para mim!
Eu gostaria um dia de ter a oportunidade de visitar um lugar tão lindo … Saudações

Responder
maria alice de oliveira 12 de outubro de 2020 at 10:33

Amigo sou carioca morando em Natal atualmente,é realmente deslumbrante,todas as dunas em todos os cantos são maravilhosas,ontem mesmo fiz um passeio a Punau,o passeio de Buggy nas dunas são ótimos,vale a pena conhecer

Responder

Deixe um comentário