Aeroporto de Guarulhos é o primeiro do país com infraestrutura para teste de COVID-19

O

GRU Airport conta agora com laboratório remoto para realização de exames para COVID-19, conforme anunciado recentemente pelo principal aeroporto próximo da capital paulista.

Localizado no saguão de embarque do Terminal 3, onde estão as operações internacionais, o serviço para passageiros, frequentadores e funcionários do Aeroporto Internacional de São Paulo é uma iniciativa inédita no Brasil, uma parceria entre o terminal e um laboratório de diagnósticos.

LEIA TAMBÉM: “Como e quando será a retomada aérea na América do Sul”

Aeroporto de Guarulhos (foto: Divulgação/GRU Airport)

Segundo nota enviada para o Viagem em Pauta, o exame RT-PCR é homologado pela OMS (Organização Mundial da Saúde) e o resultado sai em até quatro horas.

Esse teste molecular, que detecta o vírus do coronavírus através da análise de uma amostra de secreção nasal e da orofaringe, é exigido para entrada em alguns países, como Portugal e França.

O posto avançado de atendimento, que funciona 24 horas por dia, fica em uma área com 36m² e conta com oito cabines, cuja coleta do exame acontece em cerca de cinco minutos.

Para realizar o exame é necessário documento de identificação com foto (RG, CNH ou passaporte) e pagamento de R$ 350. O resultado pode ser recebido por SMS ou em versão impressa, em dois idiomas (português e inglês).

foto: Domínio Público

VEJA TAMBÉM: “No pós-pandemia, Nordeste é preferência dos brasileiros: veja destinos diferentões”

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*