Azul anuncia novos voos para o Nordeste

A temporada dos dias de temperaturas baixas ainda está longe de chegar ao fim, mas já tem gente pensando nos destinos do Nordeste. Por isso, ao longo do segundo semestre de 2021, a região passará a ter novos voos da Azul, na Bahia e na Paraíba.

A partir do próximo dia 20 de setembro, Guanambi, no sudoeste baiano, passará a contar com ligação direta com o Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, segundo maior centro de conexão de voos da companhia no Brasil.

Com bilhetes a partir de R$259,80 (o trecho), os voos entre a capital mineira e Guanambi serão em aeronaves ATR 72-600 e com quatro frequências semanais (2ª, 4ª, 6ª e domingos).

A viagem terá duração de 1h50 e os voos partem de Belo Horizonte às 13h e de Guanambi às 15h35.

Chapada Diamantina (foto: Cleide Isabel/Flickr)

SAIBA MAIS: “Chapada Diamantina ganha voo inédito”

Em outubro, a Azul tem programado também o retorno do voo para Lençóis, uma das principais portas de entrada para a Chapada Diamantina. Suspensos durante a pandemia, os voos sairão do Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, às quintas e domingos, e terão uma duração de cerca de 2h20.

Segundo informou a empresa em nota enviada ao Viagem em Pauta, os bilhetes custarão a partir de R$329,80 (ida ou volta).

No último mês de junho, a Chapada Diamantina já contava com outra opção de voo entre Salvador e Mucugê, cidade base para quem visita a região. A rota é operada pela Abaeté Linhas Aéreas, a partir do Salvador Bahia Airport.

SAIBA MAIS NESTE LINK

Novos voos da Azul

No último domingo (8 de agosto), a Azul fez seu primeiro voo entre Patos (PB) e Recife (PE), por meio da sub regional Azul Conecta.

O voo sairá de Recife às 22h30 (diariamente, exceto sábados) e pousará na cidade paraibana às 23h45. No sentido contrário (diariamente, exceto domingos) a viagem tem início à 00h10, com pouso na capital pernambucana à 1h25.

Com o objetivo de chegar a 200 cidades atendidas pela empresa no Brasil, a Azul anunciou também no mês passado novos destinos no Rio Grande do Sul. Desde o início deste mês, a companhia voa de Porto Alegre para cidades como Canela, Vacaria, São Borja, Erechim, Bagé, Santa Cruz do Sul, Santa Rosa e Alegrete.

Patos, na Paraíba (foto: José Rildo da Nóbrega/Wikimedia Commons)

SAIBA MAIS: “Azul anuncia 8 novos destinos no Rio Grande do Sul”

2 Comentários

  1. Era preciso ter voo de ida e volta saindo de Araçatuba, pois nos temos que ir até São José do Rio Preto, Bauru ou São Paulo.
    Demora mais tempo na estrada do que dentro do avião.
    Por favor, reveja essa linha.

  2. Como empresario em Patos e residencia em Recife, o voo da Azul de Recife para Patos, chegou em boa hora.
    Os unicos inconvinientes sao o horario noturno, pois em caso de um pouso de emergencia, o comandante da aeronave, fica sem opcao de onde fazer o pouso.
    o
    O outro incoveniente e que se trata de monomotor, pois na aviao, quem tem dois motores, tem um, e quem so tem um motor, nao tem nada.

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*