MUSEU DA BMW

foto: pixy.org

O museu, em Munique, fica em um edifício em forma de tigela, cujo projeto arquitetônico considera o espaço como uma extensão da rua.

foto: Eduardo Vessoni

Ao lado da fábrica da BMW, o museu está em uma área de 5 mil m² e abriga mais de 120 automóveis, motocicletas e peças mecânicas.

foto: BMW Museum

O acervo é dividido em sete exposições temáticas permanentes, com temas como design, tecnologia e esportes.

foto: Eduardo Vessoni

0 museu fica ao lado das duas torres do centro administrativo da empresa, cuja estrutura 'Quatro Cilindros' é patrimônio artístico de Munique.

foto: Wikimedia Commons

Um dos destaques é esse modelo Z3, usado pelo ator Pierce Brosnan no filme “007 contra GoldenEye”, em 1995.

foto: Eduardo Vessoni

Em 64, Klaus-Günter Jacobi adaptou o compartimento do motor desse BMW Isetta para ajudar em fugas da Alemanha Oriental, durante a época do Muro de Berlim.

Tentei descrever a velocidade de uma forma visual”

– Andy Warhol, artista que pintou esse BMW M1 em 28 minutos

foto: Eduardo Vessoni

A história das motos da BMW começou em 1923, cujos modelos eram criados a partir dos altos padrões de qualidade dos motores de avião produzidos pela empresa.

foto: Eduardo Vessoni

Na sala ‘The House of Technology’, o visitante conhece curiosidades de áreas como aerodinâmica e produção de motores.

foto: Eduardo Vessoni

Com essa BMW RS 500, uma moto de três rodas, Wilhelm Noll bateu recorde de velocidade, chegando a 280.2 km/h, em 1955.

foto: Eduardo Vessoni

Até 1962, a BMW produziu mais de 160 mil carros Isetta Motocoupé como esse, conhecido como “carro bolha”.

foto: Eduardo Vessoni

foto: Eduardo Vessoni